Domingo, 22 de Novembro de 2009

Folha30-b

 Figuras e Factos

          Não são figuras, mas são factos importantes que interessam de certa forma ser bem conhecidos pela população inteira da nossa freguesia,  estes que  constam de três "noticiazinhas" publicadas em TERRAS de BASTO, de 15 e 30 de Setembro, e 15 de  Novembro de 1989, e que nós aqui ordenamos para como manda a justiça, fazer constar, aí vão:

" Vilar de Ferreiros

           Foi há pouco mais de um ano que nos soou aos ouvidos a triste noticia de que tinha falecido o Padre Mário. Logo procuramos confirmar o que desejávamos fosse um boato. Não era. Embora só recentemente a noticia tivesse confirmação o facto é que aquele que amou os pobres, os ignorantes e os humildes deixou de fisicamente estar a seu lado, partindo em busca da morada dos eleitos depois de três meses de imolação no calvário que o Senhor lhe reservou. O sacerdote, o professor, o historiador e o jornalista sobre temas de história e arte partiu após sessenta e primaveras vividas para o "Oceano da Luz sem fim". Nascido na Povoa de Varzim   a 6 de Outubro de 1926, o padre Mário César Marques faleceu em Rendufe (Amares), a 18 de Agosto de 1987, freguesia que paroquiou quase 7 anos no fim de ter  sido pároco, durante 26 anos, de São Julião de Paços e Bastuço. 

          Com a morte do Padre Mário a região de Basto perdeu um ilustre admirador, Vilar de Ferreiros um analista das suas raízes históricas e nós um amigo sincero. Autor de: "Visita de 1825 A Paróquias hoje integradas no concelho da Povoa de Varzim", " OS POVEIROS E O SANTUÁRIO DO ALIVIO, EM SOUTELO (VILA VERDE) e " INQUÉRITO ÀS PARÓQUIAS do CONCELHO da POVOA DE VARZIM,em 1845, Mário César, neste último trabalho, publicado em 1971, regista a certo passo " é curiosa a disputa entre Mondim de basto e Vilar de Ferreiros sobre o terreno em que está edificada a ermida da Senhora da Graça e o livro das VISITAÇÕES do Arciprestado de Vila Pouca de Aguiar , de 1845, atribui a Vilar de Ferreiros, confirmando outras provas e não deixando sequer, lugar a dúvidas

          Professor de Arte Sacra no Seminário Conciliar da Arquidiocese e prestigiado colaborador da Universidade do Minho, no campo da investigação histórica e Arqueológica , o homem simples, de carácter transparente e com uma alma de artista e coração puro e santo partiu. Nós que muito lhe ficamos a dever repetimos Santo Agostinho : - " Senhor, recebei em sufrágio da sua alma as nossas lágrimas que são o  sangue do coração".  CP

XXX

CARTAS AO DIRECTOR

   Esclarecimento

           Do nosso colaborador Dr. António Borges de Castro, advogado, escritor e jornalista muito conhecido, com vários livros publicados, conhecidos em todo o país, recebemos a seguinte carta que publicamos , sem com isso pretender criar polémica, mas proporcionar a todos o mesmo veículo de informação.

          " Mondim de Basto, 14-9-1989.

Prezado amigo e director do "Terras

de Basto" - Celorico de Basto.

          Sobre o que li hoje no jornal, peço a fineza de publicar o seguinte:

         Convido o Correspondente de V.F. a ler no Diário do Governo nº 64 de 22-3-1880 o acórdão do S.T.A. aí verá que o terreno onde está a capela de Nossa Senhora da Graça pertence a Mondim, acabando assim para sempre as antigas discórdias quanto à jurisdição temporal; na parte espiritual o bispo faz o que entende injusta e ilegalmente revogando os usos e costumes de mais  de cem anos que só a Santa Sé o pode fazer.

           O bispo D. João Evangelista a tal respeito respondeu numa  reunião do clero: Respeite-se a tradição - " nihil inovetur nisi quad tradita est". Ora os capelães de nomeação canónica de 1763 a 1910 eram escolhidos no clero numeroso de Mondim.

          Não escreva asneiras copiando-as de corografos ou enciclopedistas mal informados que  nunca vieram às nossas terras, segundo o sábio Abade de Baçal,  bom mestre que sigo nas minhas monografias.

Cordiais cumprimentos,

António Borges de Castro.

XXX

Vilar de Ferreiros

          "Temos lido e compilado muita coisa sobre terras de Basto, mas sinceramente só agora fomos despertados para a leitura atenta do acórdão do S.T.A., de 22 de Dedzembro de 1880, que por acaso temos à mão. Agradecemos o "escleracimento" dado pelo inconfundivel Mondinense, advogado, escritor e jornalista da nossa praça, e convidamos também os leitores interessados a consultarem o referido documento, que na integra surge publicado em A Ermida do Monte Farinha, de Primo Casal Pelayo, edição de 1988. Se de facto alguma "asneira" consta  a do Santuário pertencer a São Cristóvão de Mondim jamais a podemos copiar, não vem lá.

          Os mortos devem-nos  o maior respeito, e sobretudo quando se trata de figuras que marcaram posição no campo da cultura e saber humano. Até porque no caso concreto que originou o taruma no defensor gracioso dos direitos que Mondim não tem, é de miu grã nobreza a atitude do  saudoso investigador histórico Rev.doCésar Marques já que remete os autênticos estudiosos para o livro de Visitações do Arciprestado de Vila Pouca de Aguiar, de 1845.

           Ponto final , pois que a publicidade custa dinheiro." CP

publicado por aquimetem às 00:00
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Folha Informativa do GFRV

. Folh-33d

. Folha -33b

. Folha-33c

. Folha-33

. Folha-32b

. Folha-32

. Folha-32c

. Folha-32d

. Folha-31b

.arquivos

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. paula-travelho

. Boletim ou Folha - 1

. Bodas de Prata duma Prela...

. O valor a quem o tem !

. Razões para uma escolha

. Os manos

. BTT- Fisgas de Ermelo - S...

. Coisas que não esquecem

. Errar é próprio do homem

. Laranjeiras

blogs SAPO

.subscrever feeds